Rondônia confirma 4 casos a mais de Covid-19 e total vai a 73


Resultados foram divulgados em novo boletim da secretaria estadual no fim da tarde desta quarta-feira (15). Estado segue com registro de duas mortes.

Rondônia confirmou mais quatro casos do novo coronavírus e total passou para 73 diagnósticos na região, de acordo com dados do boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) divulgado no início da noite desta quarta-feira (15). O estado ainda segue com duas mortes registradas por Covid-19.

No novo boletim da Sesau, as 73 confirmações estão divididas em:

  • 52 em Porto Velho;

  • 7 em Ariquemes;

  • 3 em Rolim de Moura;

  • 6 em Ouro Preto do Oeste;

  • 3 em Ji-Paraná,

  • 1 em Jaru e;

  • 1 em Vilhena.

Os novos casos de Covid-19 são: 3 em Porto Velho (dois homens de 19 e 35 anos e uma mulher de 55 anos) e 1 em Ouro Preto do Oeste (um homem de 60 anos). O Governo de Rondônia também informou que:

  • 16 infectados no estado já estão recuperados da Covid-19;

  • 4 pacientes estão internados com novo coronavírus;

  • Porto Velho continua sendo a cidade com mais casos da doença: 52 de 73 já confirmados;

  • 891 casos foram descartados;

  • 60 suspeitos ainda aguardam resultado no Lacen.

Até o momento, Rondônia tem duas mortes por Covid-19 confirmadas. A última é de um taxista, de 66 anos, que foi encontrado morto dentro de casa em Porto Velho.

https://www.instagram.com/p/B_BMZmaD9Mp/?utm_source=ig_embed Uma idosa de 63 anos morreu dentro da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Móvel que seguia para Cacoal (RO) na noite de terça-feira (14). Ela estava com suspeita do novo coronavírus e H1N1, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Ji-Paraná (RO). O caso é apurado. A mulher estava internada desde 12 de abril na ala para pacientes com suspeita da Covid-19 do Hospital Municipal de Ji-Paraná. A coleta da amostra para o exame foi realizada na última terça-feira. 'Disque Corona' A Secretaria de Estado de Saúde (Sesau) divulgou o "Disque Corona" com o objetivo de tirar dúvidas de moradores sobre a Covid-19 antes de procurarem as unidades de saúde de Rondônia.

Segundo a Sesau, profissionais de saúde são as pessoas que atendem a população do outro lado da linha e orientam o que é recomendado para cada caso. Disque Corona dos municípios de Rondônia — Foto: Governo de RO/Divulgação Quem são 51 dos 73 infectados?

  • Ji-Paraná: Paciente de 29 anos, que mora em São Paulo, e que esteve na cidade a trabalho;

  • Porto Velho: Pacientes de 35 anos e 45 anos. Ambos apresentaram sintomas depois de retornarem de viagens;

  • Porto Velho: Pacientes de 39 anos e 36 anos. Os dois são um casal de Porto Velho. O homem foi diagnosticado com a doença após voltar de São Paulo e a mulher apresentou sintomas depois que o marido retornou de viagem;

  • Porto Velho: Paciente de 31 anos. Ela não tem histórico de viagem para outro país com transmissão de Covid-19 nos últimos 15 dias;

  • *Porto Velho: Paciente de 66 anos. Ela não tinha histórico de viagens e deu entrada no hospital com sintomas como tosse e febre. A senhora morreu no dia seguinte a internação;

  • Jaru: Paciente de 35 anos. A mulher veio de viagem, então pegou o vírus fora do município. Estava em quarentena, foi monitorada e passa bem;

  • Porto Velho: Paciente de 45 anos. Ela apresentou os primeiros sintomas no dia 18 de março e, com isso, coletou amostra no Pronto Atendimento Municipal Ana Adelaide. Está em isolamento social e é monitorada pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs);

  • Porto Velho: Paciente de 70 anos. Ela foi o primeiro caso de paciente diagnosticado com Covid-19 que está internado em Rondônia;

  • Porto Velho: Paciente é uma mulher de 44 anos e se recupera em casa;

  • Porto Velho: Pacientes são um homem, de 24 anos, e uma mulher, de 23 anos. A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou que ambos passam bem e se recuperam em casa;

  • Ouro Preto do Oeste: Paciente de 57 anos, do Espírito Santo. A Secretaria Municipal de Ouro Preto informou que o homem passa bem e está em isolamento junto com a família. Esse é o primeiro caso da doença confirmado na cidade;

  • *Porto Velho: Paciente de 67 anos que trabalhava como taxista. Ele foi encontrado morto em uma vila de apartamentos. Era hipertenso e diabético;

  • Porto Velho: Paciente de 42 anos. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), realizou o exame na rede privada em um laboratório credenciado pelo Ministério da Saúde, mas o resultado saiu tardiamente. Ela continua em isolamento social;

  • Ariquemes: Pacientes de 29 e 57 anos. Ambos passam bem e estão em isolamento social;

  • Rolim de Moura: Pacientes de 47 (mulher) e 28 anos (homem). Ambos passam bem e estão em isolamento social.

  • Porto Velho: Pacientes de 30 e 31 anos. Nem o Governo do Estado e nem a Prefeitura deram mais informações sobre os pacientes;

  • Porto Velho: 16 mulheres entre 15 e 67 anos e seis homens entre 29 e 47 anos. Sesau não repassou mais informações sobre os infectados;

  • Ouro Preto do Oeste: Três mulheres e um homem. Sesau não repassou idades ou mais informações sobre os infectados;

  • Ji-Paraná: Paciente de 50 anos. Segundo a prefeitura da cidade, a mulher começou a sentir sintomas de gripe e dificuldade para respirar no último dia 7 de abril. Depois, procurou um hospital particular, que coletou a amostra para realização do exame. Ela está em isolamento domiciliar;

  • Porto Velho: Pacientes de 19, 35 e 55 anos. Sesau não repassou mais informações sobre os infectados;

  • Ji-Paraná: Paciente de 60 anos. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o idoso está internado em Cacoal pelo quadro clínico ter piorado. O histórico epidemiológico do idoso mostra que ele não viajou para fora do estado, mas recebeu uma visita de um irmão que vive em Cuiabá.

  • Por G1 RO


                                                     Notícia Em Destaque                                                     

EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

121192447_2812561702348776_7365130888151
56422362_2285627121709462_41902581880518
ARTE ANUNCIO.jpg
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg