Personal trainer é preso suspeito de vender anabolizantes para alunos

Polícia apreendeu mais de 1 mil comprimidos e ampolas de anabolizantes com o suspeito.


Um personal trainer de 29 anos foi preso suspeito de vender anabolizantes para seus alunos em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. De acordo com a Polícia Civil, com o homem foram encontrados mais de 1 mil comprimidos e ampolas de anabolizantes.

Como o nome do suspeito não foi divulgado, o G1 não conseguiu contato com a defesa dele. A prisão em flagrante aconteceu na tarde de terça-feira (20). O delegado Fernando Gama, responsável pelas investigações, disse que o personal havia sido denunciado na Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (DENARC) e era monitorado pelas equipes policiais. “Conseguimos efetuar a prisão logo após ele ter recebido uma caixa com bastante anabolizantes”, disse o delegado. O personal deve responder por crime contra a saúde pública, de altíssimo potencial ofensivo, podendo pegar detenção de 10 a 15 anos, caso seja condenado, conforme a polícia. A corporação ressalta ainda que os anabolizantes são extremamente prejudiciais à saúde, podendo levar à morte. O Conselho Regional de Educação Física informou, em nota, que solicitou informações sobre o caso à Central de Flagrantes para que as providências cabíveis sejam tomadas.

Por Guilherme Rodrigues, TV Anhanguera

EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

5c39b923-e1ce-4dea-b7ef-e2e1ee12cdac.jpg
56422362_2285627121709462_41902581880518
d1e1841c-2d85-458a-bd16-3f434b913cc6.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg