Lazinho da Fetagro defende bônus para jovens rondonienses no processo de seleção para cursos da Unir


Objetivo da mobilização é para que possam ter maior acesso à universidade, especialmente nas áreas de Medicina, Direto e Engenharias

O deputado estadual Lazinho da Fetagro (PT) reuniu-se com dirigentes de instituições de ensino e representantes de alunos que defendem alteração na metodologia de pontuação dada aos alunos, moradores de Rondônia, no vestibular da Unir.

O objetivo da mobilização é para que jovens possam ter maior acesso à universidade, especialmente nas áreas de Medicina, Direto e Engenharias. E, para que isso aconteça, trabalham na sensibilização da classe política local, dos dirigentes da instituição federal de ensino e a comunidade em geral sobre a importância desta medida.

A proposta apresentada pelos representantes é de que haja um bônus sobre a nota do Enem para os cidadãos naturais e/ou residentes que cursaram integralmente o ensino médio nas instituições de ensino situadas em Rondônia, visto que, conforme dados do Censo de Educação Superior, publicado pelo INEP, Rondônia possui um dos menores quantitativos de ofertas de vagas, instituições de nível superior e variedade de cursos de graduação no Brasil.

Universidades federais e estaduais públicas de outros estados já adotam este procedimento no processo seletivo de alunos, classificadas como Ações Afirmativas de Inclusão Regional, amparadas no artigo 5º, inciso III da portaria nº 21/2015 do MEC; dando bônus na nota do Enem que variam entre 7,092% a 20%. Na região Norte este critério na seleção de estudantes já é adotado pelos estados do Pará, Amazonas, Acre e Amapá.

O deputado Lazinho da Fetagro se comprometeu em pautar este tema na próxima reunião da Comissão de Educação Assembleia Legislativa, da qual é presidente, no dia 07 de agosto; bem como contatar a direção da Unir para obter mais informações. “Todas as ações que forem voltadas para beneficiar a educação do jovem rondoniense terão o nosso apoio, especialmente no que se refere a formação de profissionais na área de saúde que é muito carente em nosso Estado.

Participaram da reunião a coordenadora do cursinho pré-vestibular da Prefeitura de Porto Velho, Rosimar Gomes, a diretora do cursinho pré-vestibular Medquim, professora Elis Ortiz, professores e alunos de pré-vestibulares e ensino médio.

Foto: Assessoria


6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
62ce543a-677e-4a3b-97cd-6e12438d7d2d.jpg
EUCATUR.jpg
a0b9d943-d73d-4b47-880b-58c1c18c75f1.jpg
4c431daf-e845-4334-9e53-725fdf7616c6.jpg
934b0fec-b165-406b-bf07-01ae73250ec7.jpg
24174133_1944909432494834_4108635420390726574_n.jpg
2022 dom.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
be27f0c5-4fa9-41c5-98a8-9ac5c645f951.jpg
6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
d2ea8d0f-0c5c-4bf3-860d-af688e0bcf0d.jpg
anuncio TERRAFORTE.jpg
a05d55d4-665c-4af4-b7f1-6e740d661e27.jpg
5bb1e9a9-b366-4571-9ff5-9b2272c77dc5.jpg