Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa visita Orgulho do Madeira


Carência de unidades escolares para atender os grandes conjuntos habitacionais em Porto Velho é acompanhada pelos deputados

A necessidade de unidades escolares para atender aos grandes conjuntos habitacionais em Porto Velho, que juntos somam mais de 20 mil moradores, tem sido acompanhado pelos deputados que integram a Comissão de Educação e Cultura (CEC) da Assembleia Legislativa.

E nesta quarta-feira (3), o presidente da Comissão, Lazinho da Fetagro (PT), visitou o Residencial Orgulho do Madeira, o maior conjunto habitacional da capital, onde alunos sofrem com a falta de escolas nas proximidades. O deputado Alex Silva (PRB), membro da Comissão, também esteve presente.

"A exemplo dos demais residenciais, o Orgulho foi construído sem o devido cuidado em oferecer a estrutura de educação, de saúde, de transporte, de segurança e outros benefícios. Fomos procurados pelos moradores e fomos conhecer a realidade, coletar mais informações para nos orientar nas ações que vamos tomar daqui para a frente", explicou Lazinho.

O parlamentar disse que, no próximo dia 10, ficou marcada reunião extraordinária, para as 14 horas, na Assembleia Legislativa, com a presença do secretário estadual de Educação (Seduc), Suamy Vivecananda, que irá apresentar o plano estadual de educação e a demanda do Orgulho e dos demais residenciais, será debatida.

"Temos falta de escola no Cristal da Calama e em outras unidades habitacionais. É conhecendo as demandas e discutindo os problemas, que podemos encaminhar soluções e cobrar ações do poder público", completou Lazinho.

O deputado Alex Silva ressaltou a importância de as Comissões Temáticas, além de receber as reivindicações do cidadão na Assembleia, também possa visitar e conhecer as demandas. "Quando a gente conhece a realidade, nos motiva, nos fortalece a trabalhar mais e a assumir compromissos", completou.

Comissão Especial

Lazinho sugeriu e foi apoiado pelos membros da CEC, para que fosse criada uma Comissão Especial na Casa, para acompanhar a situação do Orgulho do Madeira, uma vez que o tema tem sido debatido em várias das Comissões Temáticas da Assembleia Legislativa. Essa Comissão Especial deverá ser formada pelos presidentes das Comissões Temáticas envolvidas na discussão.

Outra sugestão de Lazinho é de que as demandas ligadas à educação, que aportarem nos gabinetes parlamentares, possam ser encaminhadas para a Comissão de Educação.

Fotos: Marcos Figueira


14c23045-9b95-458a-9656-0490a77f1c2c.jpg
EUCATUR.jpg
a0b9d943-d73d-4b47-880b-58c1c18c75f1.jpg
c2c9063e-ef01-4b45-89ef-a4f835f274c0.jpg
934b0fec-b165-406b-bf07-01ae73250ec7.jpg
24174133_1944909432494834_4108635420390726574_n.jpg
2022 dom.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
be27f0c5-4fa9-41c5-98a8-9ac5c645f951.jpg
6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
d2ea8d0f-0c5c-4bf3-860d-af688e0bcf0d.jpg
anuncio TERRAFORTE.jpg
a05d55d4-665c-4af4-b7f1-6e740d661e27.jpg
5bb1e9a9-b366-4571-9ff5-9b2272c77dc5.jpg