Lebrão diz que parcerias são a saída para fortalecer a saúde


Ele também registrou a sua confiança em uma legislatura produtiva

O deputado estadual José Lebrão (MDB) usou a tribuna pela primeira vez na atual legislatura e aproveitou para saudar os parlamentares eleitos, e também aos reeleitos. "Teremos uma grande legislatura e vamos poder contribuir muito com as ações em prol do povo de Rondônia. E uma boa ação vale mais do que mil palavras. Sou de poucos pronunciamentos, mas de muito trabalho, por isso estou já no meu quarto mandato", completou.

Para Lebrão, "independente do município ou região de onde o deputado vem, ele é representante de todo o Estado de Rondônia e carrega a responsabilidade de atuar em defesa de benefícios para a população. Os novatos chegaram 'voando' e com certeza vamos ter uma legislatura de muito trabalho".

Em seguida, o parlamentar falou sobre as deficiências, mas também dos avanços nos últimos anos, para a saúde. "Lamentavelmente, os municípios não conseguem mais fazer a saúde básica, por falta de recursos. Se não tivermos um termo de cooperação entre os municípios e o Estado, não iremos avançar. Porto Velho, por exemplo, é a única capital do país que não tem um hospital, recaindo sobre o Governo, toda a responsabilidade na média e alta complexidade".

Segundo o parlamentar, o Pronto Socorro João Paulo II possui excelentes profissionais, mas a sua estrutura não comporta mais o volume de atendimentos. "Foi ventilada a possibilidade de a antiga sede deste Poder ser cedida para a implantação de uma extensão do João Paulo, o que sou favorável, mas sei que o local não reúne as condições necessárias para receber os pacientes", completou.

Em aparte, Jair Montes sugeriu que todos se desarmem e se unam para promover melhorias para a população. "Temos que repensar e somar forças, com o Governo, Tribunal de Contas, Ministério Público, enfim, com todos envolvidos num só propósito: cuidar do ser humano. O senhor, deputado Lebrão, tem uma atuação destacada e que me inspira muito aqui nesta Casa"

Trabalho

José Lebrão enumerou uma série de ações que desempenhou, em favor da saúde dos municípios, com a entrega de ambulâncias para Novo Horizonte, Nova Brasilândia, São Miguel do Guaporé, Seringueiras, São Francisco, Costa Marques e Vilhena.

"Também, em parceria com os deputados da legislatura passada, conseguimos recursos para a construção do hospital de Seringueiras, obra que deverá ser finalizada neste ano, e quero registrar o trabalho do secretário estadual de Saúde, Fernando Máximo", relatou.

De acordo com o parlamentar, "seria importante ter um processo licitatório mais ágil, pois a ambulância entregue nesses dias em, São Francisco do Guaporé, teve processo iniciado em 2016 e foi judicializado, atrasando demais a entrega do veículo".

Lebrão destacou os desafios dos municípios em assegurar o transporte e o atendimento dos pacientes, ressaltando, porém, a parceria entre as prefeituras da região do Vale do Guaporé.

Em aparte, Jean Oliveira (MDB) disse que tem sentido que o Parlamento está numa energia positiva, somando experiência com a disposição de quem chega. Não podemos esperar mais o Executivo agir, para levar os benefícios que a população precisa.

Seduc

Ao retomar a palavra, Lebrão exaltou a necessidade de o Estado e município de Porto Velho atuarem em parceria na saúde. Ele anunciou que São Francisco do Guaporé, numa ação em parceria com a prefeitura, destacando a ação da prefeita Gislaine Lebrinha (MDB), que disponibilizou um espaço para o início das atividades, vai ganhar a Escola Técnica do Estado, que será a primeira em Rondônia.

"A boa notícia ocorre após a visita do secretário estadual de Educação (Seduc), Suamy Vivecananda, que trouxe boas notícias para a nossa região", completou.

Rodada de negócios

Lebrão falou ainda sobre a quarta rodada de Negócios, com destaque para a rodada internacional, em Costa Marques, com mais de R$ 4 milhões em negócios, e mais de R$ 3 milhões agendados. O evento faz parte das ações que integram a Rondônia Rural Show. "É importante que isso continue acontecendo, para fomentar o agronegócio em Rondônia", acrescentou.

Ao finalizar, ele comentou que foi vice-prefeito de Costa Marques, o deputado Cirone Deiró (Podemos), foi vice-prefeito de Cacoal, com ambos contribuindo com os municípios e se destacando na vida pública.

"Digo isso, para ilustrar que o vice-governador José Jodan (PSL) está correto em discutir a política fiscal na cafeicultura, pois estamos sem saber onde se produz o café, pois produtores de um município, tiram a nota na cidade vizinha, com menos impostos municipais, ou até em outro Estado. Temos que unificar a política fiscal e fortalecer a fiscalização para todos", concluiu.

Texto: Eranildo Costa Luna - DECOM/ALE

Foto: José Hilde


c2c9063e-ef01-4b45-89ef-a4f835f274c0.jpg
934b0fec-b165-406b-bf07-01ae73250ec7.jpg
24174133_1944909432494834_4108635420390726574_n.jpg
2022 dom.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
be27f0c5-4fa9-41c5-98a8-9ac5c645f951.jpg
AUITSMO corrigido 300X250.png
e7fecd30-2a15-4427-b13c-ff7239795fb9.jpg
EUCATUR.jpg
a0b9d943-d73d-4b47-880b-58c1c18c75f1.jpg
6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
d2ea8d0f-0c5c-4bf3-860d-af688e0bcf0d.jpg
anuncio TERRAFORTE.jpg
a05d55d4-665c-4af4-b7f1-6e740d661e27.jpg
5bb1e9a9-b366-4571-9ff5-9b2272c77dc5.jpg