Sustentabilidade e os pequenos negócios


O Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS) realizou pesquisa em todos os estados brasileiroscom empreendedoresde pequenos negócios. DenominadaEngajamento dos Pequenos Negócios Brasileiros em Sustentabilidade e aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), a pesquisa tem por objetivo apresentar apercepção e o nível de adesão de micro (ME) e pequenas empresas(EPP) brasileiras ao conceito de sustentabilidade nos negócios.

Os ODS, por serem uma proposta desenvolvida no âmbito da ONU, formam a melhor métrica para as ações de sustentabilidade de governos, empresas, organizações sociais e pessoas. Os dados coletados dentro dessa métrica tem um padrão de comparabilidade global.

Nos 17 ODSpode-se encontrar uma correlação entre cada um deles e seu correspondente naquilo quese convencionou chamar de Tripé da Sustentabilidade, com o equilíbrio entre os fatoresEconômico, Social e Ambiental.

No Brasil 94,4% de empreendedores em pequenos negócios acreditam que a sustentabilidadeé uma forte alavanca para inovação e novos negócios. Importante destacar que não são apenas os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável8, 10 e 12, que estão presentes nos resultados da pesquisa. Existem indicadoresque dialogam com os ODS 1(Erradicação da Pobreza), ODS 3 (Saúde e bem estar), ODS6 (Água e saneamento), ODS 7 (Energia Limpa), ODS 8 (Trabalho decente e crescimento econômico), ODS 9 (Indústria e Inovação), ODS 10 (Redução das Desigualdades), ODS 11 (Cidades e Comunidades Sustentáveis), ODS 12 (Consumo responsável e resíduos), ODS 13 (Combate às Alterações Climáticas), ODS 14 (Vida sob a Água), ODS 15 (Vida sobre a Terra) e ODS 17 (Parcerias pelas Metas).

Cada um dos ODS representa uma preocupação com o desenvolvimento em um horizonteque vai até 2030. A pesquisa do CSS mostra que os compromissos são fortes nas três vertentesda sustentabilidade, com importantes ações em relação à busca por redução de consumo deenergia, que impacta positivamente questões de mudanças climáticas, fortalecimento de cadeiasde valor em suas comunidades, evidenciando um forte comprometimento com a sociedade onde a empresa atua, e a gestão adequada de seus resíduos industriais e de consumo, o quedemonstra um compromisso com a redução de seus impactos sobre o meio ambiente.Cadauma das questões da pesquisa realizada pelo CSS está sendo apresentada com o ícone de seu Objetivo de Desenvolvimento Sustentável correspondente, de forma a facilitar a compreensãoda abrangência do engajamento dos pequenos negócios em cada um dos setores pesquisados.

Os resultados apontam uma mudança significativa no cenário, demonstrando um crescenteengajamento das micro e pequenas empresas em Sustentabilidade e aos ODS. Ao avaliá-lostorna-se evidente o dinamismo deste segmento, que move e gera riqueza, empregos e renda

em todo o território nacional (ODS 8 e 12).Alguns resultados que permitem esta constatação:

• 93% estão comprometidos com a sustentabilidade;

• 93% contratam mão de obra local;

• 85% apoiam a comunidade local;

• 80% dão preferência a fornecedores locais.

De acordo com os principais resultados das empresas pesquisadas:

Sustentabilidade

63% consideram sustentabilidade muito importante para as empresas.

54% aplicaram ações sustentáveis de maneira isolada, esporádica e sem planejamento.

Uso eficiente de energia

88% já implantaram alguma ação de eficiência energética.

Uso eficiente da água

60% já adotaram práticas para economia de água.

48% adotam como principalprática - vasos acoplados com descarga de duplo acionamento.

Gerenciamento de resíduos sólidos

81%já adotaram iniciativas de gerenciamento de resíduos.

Desenvolvimento social

93% contratam mão de obra local

85% apoiam comunidade local

Política de compras

42% buscam materiais mais sustentáveis e compram apenas se eles não afetarem negativamente os custos da empresa

Comprometimento

93% sentem-se comprometidos aos objetivos da sustentabilidade.

67% adotam práticas sustentáveis para buscar a justiça social e a preservação do meio ambiente

Oportunidades

91% consideram que a sustentabilidade gera oportunidades para novos modelos negócios

METODOLOGIA

• Método: pesquisa quantitativa

• Amostragem: Aleatória Estratificada

• Técnica: entrevistas estruturadas (questionário)

• Ferramenta utilizada: telefone

• Universo: 15.380

• Amostra: 1.887

• Características do público: micro e pequenas empresas cadastradas no Sebrae

• Período de realização das entrevistas: 24/11/2017 a 15/12/2017

• Tratamento dos dados: Limesurvey e MS Excel.

• Erro amostral: 3%

• Nível de confiança: 95%

As análises setoriais apresentam cenários, que podem ser úteis para aprofundar oconhecimento sobre os setores integrantes da pesquisa: Agropecuária, Indústria, Comércio e Serviços.

Para saber mais sobre os ODS e sobre a Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas, visite o site: https://nacoesunidas.org/pos2015/agenda2030/


14c23045-9b95-458a-9656-0490a77f1c2c.jpg
EUCATUR.jpg
a0b9d943-d73d-4b47-880b-58c1c18c75f1.jpg
c2c9063e-ef01-4b45-89ef-a4f835f274c0.jpg
934b0fec-b165-406b-bf07-01ae73250ec7.jpg
24174133_1944909432494834_4108635420390726574_n.jpg
2022 dom.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
be27f0c5-4fa9-41c5-98a8-9ac5c645f951.jpg
6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
d2ea8d0f-0c5c-4bf3-860d-af688e0bcf0d.jpg
anuncio TERRAFORTE.jpg
a05d55d4-665c-4af4-b7f1-6e740d661e27.jpg
5bb1e9a9-b366-4571-9ff5-9b2272c77dc5.jpg