Regularização Fundiária é um dos focos da 8ª Rondônia Rural Show em Ji-Paraná


A regularização fundiária é um dos pontos prioritários da 8ª Rondônia Rural Show, que acontece no Parque Tecnológico Vandeci Rack, de 22 a 25 de maio, em Ji-Paraná. O objetivo é documentar mais de 100 mil propriedades rurais. As tratativas junto ao governo federal já estão sendo alinhadas, conforme informou o secretário estadual de Agricultura, Evandro Padovani, durante a reunião técnica realizada na quinta-feira (31), na Câmara dos Vereadores, em Ji-Paraná, com expositores e parceiros do evento do agronegócio.

O imóvel rural documentado traz benefícios diretos ao produtor rural e alavanca a economia do estado. Exemplo claro disso é o aceso ao crédito e a segurança jurídica”, opina o secretário Padovani, afirmando que a palavra de ordem do governador coronel Marcos Rocha é “fazer o melhor para o setor produtivo e agilizar os procedimentos documentais”.

Representantes de indústrias e comércios ligados ao agronegócio participaram da reunião técncia em Ji-Paraná

Para tanto, Padovani cumpriu recente agenda em Brasília e buscou o apoio do governo federal para titulação das propriedades rurais de Rondônia. “Fomos muito bem recebido pela ministra da Agricultura Tereza Cristina que sinalizou positivamente ao pleito”. Na ocasião, o secretário Padovani formulou convite à ministra da Agricultura e a outras autoridades federais a prestigiar a Rondônia Rural Show.

Além de autoridades federais, a Rondônia Rural Show deste ano deve contar com a participação oficial do governo do Acre. “Convidamos os governos do Mato Grosso e do Amazonas para também se fazerem presentes na Rondônia Rural Show”, falou Padovani, que, ao se confirmar mais essas duas participações, pretende ampliar os convites aos governos dos estados da região Norte e promover um fórum sobre o agronegócio no decorrer da feira em Ji-Paraná.

Considerada uma das maiores feiras do agronegócio brasileiro, a Rondônia Rural Show deve receber público acima de 100 mil visitantes nos 500 estantes programados. A expectativa é de movimentação de R$ 700 milhões a contar das rodadas de negócios que antecedem a feira.

Neste ano as rodadas iniciam na segunda quinzena de fevereiro em Ji-Paraná. Cidades como Colorado do Oeste, Pimenta Bueno, Rolim de Moura, São Francisco do Guaporé, Ariquemes e Porto Velho também sediarão rodadas de negócios.

Parceria na realização da Rondônia Rural Show, a Emater já está com a logística do transporte do produtor rural pronta. “O produtor deve procurar o escritório da Emater na sua cidade e proceder ao cadastramento para participar do evento do agronegócio”, disse o presidente da Emater, Luciano Brandão, explicando que a cada ano a procura pelo transporte vem crescendo.

Fonte Texto: Paulo Sérgio Fotos: Paulo Sérgio e Daiane Mendonça Secom - Governo de Rondônia


c2c9063e-ef01-4b45-89ef-a4f835f274c0.jpg
934b0fec-b165-406b-bf07-01ae73250ec7.jpg
24174133_1944909432494834_4108635420390726574_n.jpg
2022 dom.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
be27f0c5-4fa9-41c5-98a8-9ac5c645f951.jpg
AUITSMO corrigido 300X250.png
e7fecd30-2a15-4427-b13c-ff7239795fb9.jpg
EUCATUR.jpg
a0b9d943-d73d-4b47-880b-58c1c18c75f1.jpg
6e52628e-9cfa-4231-88ed-162c493c3769.jpg
d2ea8d0f-0c5c-4bf3-860d-af688e0bcf0d.jpg
anuncio TERRAFORTE.jpg
a05d55d4-665c-4af4-b7f1-6e740d661e27.jpg
5bb1e9a9-b366-4571-9ff5-9b2272c77dc5.jpg