Campanha “Nós Somos o Trânsito” iniciada em Ji-Paraná


A campanha nacional Maio Amarelo tenta conscientizar condutores e pedestres para a necessidade de se reduzir acidentes no trânsito.

Com a participação de representantes de órgãos ligados a área de segurança do trânsito, na tarde de quarta-feira (2) foi iniciada a campanha nacional Maio Amarelo que tem como o único objetivo conscientizar condutores e pedestres para a necessidade de se reduzir acidentes de trânsito tantos nos setores urbanos, rurais e nas estradas brasileiras. Este ano o tema á ser abordado é: “Nós Somos o Trânsito” que direcionar a responsabilidade tanto para o condutor, quanto para o pedestre. De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros local, tenente BM Dos Santos, os quatro primeiros meses de 2018 mostra redução de acidentes.

Em Ji-Paraná, a campanha foi lançada com a realização da 3ª Carreata Pela Vida, com saída às 15h30 da sede da Circunscrição Regional de Trânsito (3ª Ciretran), no primeiro distrito até o estádio Biancão, segundo distrito deste município, e contou com a participação de representantes das polícias, Militar, Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e Autarquia Municipal de Trânsito (AMT), percorrendo a BR-364, avenida Marechal Rondon, rua Martins Costa, avenida Brasil e rua T-30.

Para o inspetor João Bosco Ribeiro, essa é a campanha mais especial dentre muitas que são realizadas ao longo de todo o ano. Segundo ele, o tema “Nós Somos o Trânsito” chama a responsabilidade de cada cidadão para mais educação nas vias urbanas, rurais e rodovias. “Conclamamos a todos para participar desse grandioso ato cívico”, declarou. O presidente da Autarquia Municipal de Trânsito (AMT) Paulo Moura, acredita que gradativamente, através Maio Amarelo as pessoas estão cada vez se conscientizando da necessidade de um trânsito mais humanizado. O jornalista e Diretor Técnico de Educação de Transito, Solano Ferreira convocou todos, condutores e pedestre para essa caminhada pela Paz no Trânsito. Outro participante foi o deputado estadual Airton Gurgacz (PDT). Para ele, a mobilização faz acontecer e parabenizou a união de todos os órgãos de segurança no combate ao desrespeito no trânsito, especialmente, através das campanhas educativas.

REDUÇÃO

O comandante do Corpo de Bombeiros de Ji-Paraná, tenente BM Dos Santos, presente da Carreata Pela Vida da campanha Maio Amarelo divulgou números satisfatório dos primeiros quatros meses no trânsito de Ji-Paraná. Segundo estatística, no ano passado (2017) foram registrados 1324 acidentes, sem vítima fatal. Enquanto que mortes foram 20. Comparando os primeiro quadrimestre, o ano de 2017, ocorreram 451 acidentes, enquanto que no mesmo período deste ano, as equipes de resgates atenderam 392, ou seja, diminuição de 57 ocorrências de acidentes. “Esse resultado, considerado muito bom para uma cidade movimentada como é Ji-Paraná, é fruto de campanhas como acontece todo o ano com o Maio Amarelo”, assegurou. Já nos casos de acidentes com mortes, dentro do perímetro urbano, Dos Santos informou ter sido quatro, número também menor em relação ao mesmo período de 2017.

Por J. Nogueira/Diário da Amazônia


EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

5c39b923-e1ce-4dea-b7ef-e2e1ee12cdac.jpg
56422362_2285627121709462_41902581880518
d1e1841c-2d85-458a-bd16-3f434b913cc6.jpg
                                                     Notícia Em Destaque                                                     
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg