Sitiante é preso após matar macacos na zona rural


O flagrante aconteceu na Estrada da Penal, Agro Vila Rio Verde, zona rural de Porto Velho.

Um sitiante de 52 anos, identificado como Martinho N. S., foi preso nesta quinta-feira (8), por crime ambiental e porte ilegal de arma de fogo. O flagrante aconteceu na Estrada da Penal, Agro Vila Rio Verde, zona rural de Porto Velho.

De acordo com as informações, uma guarnição da patrulha rural da Polícia Militar (PM) realizava patrulhamento pelo local do fato, quando se deparou com o suspeito, que ao avistar a viatura arremessou ao solo a espingarda calibre 20, e em ato continuo tentou se esquivar na vegetação, porém como era um terreno de barranco, não obteve exito.

Foto: Divulgação

Devido a atitude do suspeito, os militares fizeram a bordagem e na revista pessoal, foi localizado em sua cintura um cinto contendo munições e dentro da mochila do suspeito também foram encontrados dois animais silvestres mortos (macacos).

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão ao suspeito por porte ilegal de arma e crime ambiental. Uma guarnição da Polícia Ambiental foi acionada para que o auto de infração de crime ambiental fosse confeccionado.O suspeito foi encaminhado para a Central de flagrantes para providencias cabíveis.

Por RedaçãoDIÁRIO DA AMAZÔNIA


                                                     Notícia Em Destaque                                                     

EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

121192447_2812561702348776_7365130888151
56422362_2285627121709462_41902581880518
ARTE ANUNCIO.jpg
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg