Amazonense estelionatária é condenada em Rondônia


O juízo da 2ª Vara Criminal de Porto Velho condenou a dois anos de prisão (regime semiaberto) e pagamento de multa, no valor de R$ 624, pelo crime de estelionato, a amazonense Kézia Macedo da Silva, de 30 anos.

O juízo não publicou a íntegra da sentença no Diário Oficial da Justiça desta segunda-feira, 4, nem no site do Tribunal de Justiça, mas o Rondoniaovivoapurou que a estelionatária era procurada pela prática de vários crimes em Porto Velho.

Em um desses crimes, ela levou dois celulares de uma loja da avenida Carlos Gomes, utilizando-se o simulacro conhecido por “golpe do envelope vazio”, onde o malandro simula o depósito de dinheiro na conta da loja, sem, contudo, depositar a grana. O prejuízo foi de R$ 3,8 mil, ocorrido em 2014.

A estelionatária também aplicou golpe parecido em uma distribuidora de bebidas, ano de 2013. Kezia já é velha conhecida da Polícia do Amazonas, onde ela já foi condenada por corrupção ativa. Em um de seus golpes, segundo a Polícia Civil de Porto Velho, a golpista conseguiu vender uma mesma casa por 19 vezes, no Estado vizinho.

Em 2015 ela foi presa em Manaus, após pegar (e não pagar) 300 caixas de cerveja de um comerciante. Ao ser presa, ela chegou a oferecer propina de R$ 80 mil aos policiais, mas acabou em cana.

Outros golpes da farsante eram aplicados na Internet, onde ela fazia “compra” de produtos e apresentava comprovante falso de pagamento, aos vendedores.

Confira a decisão na íntegra por meio do processo: 0011389-91.2013.8.22.0501

Fonte e texto: Rondoniaovivo

Crédito foto: G1 Amazonas


                                                     Notícia Em Destaque                                                     

EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

121192447_2812561702348776_7365130888151
56422362_2285627121709462_41902581880518
ARTE ANUNCIO.jpg
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg