Coordenador de Direito participa da Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa


A Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com os tribunais de Justiça estaduais, foi realizada na última sexta-feira (25), e é uma iniciativa que visa ampliar a efetividade da Lei Maria da Penha (Lei n. 11.340/2006), com julgamentos concentrados de ações penais relativas à violência de gênero e ainda ações pedagógicas com foco na pacificação dos lares brasileiros.

Realizado no plenário do júri de Rolim de Moura, participaram o debate promovidos por acadêmicos de Direito da FAROL, que contou com a presença de autoridades jurídicas e civis.

O Professor e Coordenador de Direto da FAROL, Vanderlei Casprenchen, elogiou a iniciativa e reiterou a importância da participação dos acadêmicos de Direito da FAROL em ações como esta do CNJ. “É muito importante que temas tabus sejam tratados com naturalidade. E a violência em âmbito doméstico, infelizmente, é uma realidade em muitos lares. Os futuros profissionais que estamos formando devem desde já estarem integrados à discussões contemporâneas tão fundamentais quanto esta”, avaliou Casprenchen.

A campanha Justiça Pela Paz em Casa está na 8ª edição e, desde que implantada, acontecia nos meses de março, em razão de ser o mês da mulher e, também, em novembro durante a semana internacional de combate à violência de gênero, estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU). A partir deste ano, com a edição da Portaria 15, do Conselho Nacional de Justiça, passa a acontecer também nos meses de agosto por ser o mês de aniversário da edição da Lei 11.340/2006.


EDIÇÃO DE HOJE Nº 118

5c39b923-e1ce-4dea-b7ef-e2e1ee12cdac.jpg
anigif.gif
CONVENIO UNIMED.png
CONVENIO UNIMED.png
ARTE ANUNCIO.jpg
                                                     Notícia Em Destaque