103419939_2703858683219079_3930321760858

Investigador estava do lado de fora da casa quando ex se matou

Caso ocorreu na tarde de ontem (4), no Bairro Jardim Guanabara; foi ele quem ligou para a Polícia Militar


O investigador da Polícia Civil San Castro estava fora de sua residência no momento em que a ex-namorada Daiane Tonetta Neitzke, de 26 anos, tirou a própria vida com a arma dele, na tarde de segunda-feira (4), no Bairro Jardim Guanabara, em Cuiabá.

De acordo com a Polícia Civil, a ocorrência é tratada como suicídio. Foi o policial que ligou para a PM para informar que Daiane havia pegado sua arma e se trancado em um quarto da residência.

Policiais do 1º Batalhão da PM chegaram ao local e decidiram pedir apoio do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) e da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel).


Enquanto esperavam a equipe especializada para iniciar as negociações, os policiais ouviram os tiros vindo do imóvel.


Segundo a nota da Polícia Civil, San estava ao lado dos policiais militares no momento do disparo.

Ele contou que Daiane entrou na casa, foi para parte de cima da residência e se recusava a descer.

Um inquérito será instaurado pela DHPP e a Corregedoria da Polícia Civil também vai abrir um procedimento preliminar por haver um investigador envolvido no caso.

Luto

Nas redes sociais, San publicou uma foto com um texto lamentando a morte de Daine.

“Me diz que é mentira ! Que hj vou acordar e tudo isso não vai ter sido um grande pesadelo. Não Day! Vc é uma pessoa que vou me lembrar por toda vida ! Uma pessoa ímpar, quer mulher esforçada, sofrida, que batalhava todos os dias, para se tornar melhor ! O meu Deus, coloque-a do seu lado! De um caminho de luz para ela! Ela é merecedora. Mulher que compartilhei as melhores viagens, as maiores loucuras, foi um prazer ter convivido com vc, vou lembrar de vc sempre assim igual as fotos, sempre animada, divertida, meninona! Te amo! Eterna Day! [sic]”, disse.

CVV

O CVV (Centro de Valorização da Vida) realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo pelo telefone 188, email e chat 24 horas todos os dias.

https://www.midianews.com.br/policia/investigador-estava-do-lado-de-fora-da-casa-quando-ex-se-matou/375143