103419939_2703858683219079_3930321760858

Drogas e celulares são apreendidos dentro de presídio


Revista geral aconteceu no fim de semana e foi determinada pela Justiça, em Vilhena.

Uma ação conjunta comandada por agentes penitenciários e Polícia Militar (PM) apreendeu drogas, celulares, entre outros objetos ilícitos, dentro do Centro de Ressocialização no final de semana, em Vilhena (RO). A varredura aconteceu por determinação da Justiça após a apreensão de drogas dentro de um rádio, na quinta-feira (22).

De acordo com o boletim de ocorrência, no início da operação, os presos iniciaram um tumulto e tentaram impedir que os agentes entrassem nas celas. Com isso, a equipe utilizou gás de pimenta e tiros antimotim para controlar a situação.

A revista começou pela ala B, onde estão os presos pertencentes a uma facção criminosa. Eles foram levados para o pátio do banho de sol. Em seguida, alguns detentos tentaram forçar o portão que dá acesso ao corredor, com chutes, para comprometer a operação.

Por causa disso, os agentes dispararam um tiro antimotim contra um apenado que liderava o tumulto. Ele teve uma lesão no braço. Depois do tiro, os presos se afastaram da porta do pátio.

Já os presos da ala A não apresentaram resistência quando foram retirados das celas. Durante a ação, os presos fizeram ameaças contra policiais.

Foram apreendidos celulares, hastes artesanais de alumínio e metal, porções de maconha, cocaína e pasta base, cachimbos para consumo de drogas, celulares, carregadores, pen drives, pacotes de fumo, chips, chucho, serra e um anzol artesanal para “pescar” objetos fora da cela.

Por RedaçãoDIÁRIO DA AMAZÔNIA


0 visualização